top of page
  • Foto do escritorSimone Sgarbi

Já pensou em trocar uma dívida cara por uma mais barata?



Com a possibilidade de começar a queda dos juros pode se abrir uma boa janela para renegociação de dívidas.


Já pensou em fazer a portabilidade para outro banco? Essa é uma das formas de conseguir melhores condições.


Mas atenção: compare não só o valor das parcelas, mas principalmente o Custo Efetivo Total que vc paga hj com o que o novo credor oferecer.


O Custo Efetivo Total é o valor real que você vai pagar pelo crédito que está solicitando. Nele estão todos os encargos e despesas decorrentes das operações de crédito, como seguros, encargos, taxa de análise de crédito, entre outras.


Mais um ponto de atenção é não aceitar " penduricalhos". Por vezes a nova instituição financeira vai te acenar com a possibilidade de emprestar um valor maior, além do necessário para quitar a dívida atual.


Não caia nessa, você quer se livrar das dívidas, não perdurar nelas, não é mesmo?


Caso o novo banco e você cheguem em um consenso a própria instituição vai quitar seu saldo devedor com o banco atual, e você passa a quitar a dívida com esse novo credor, com novas as novas regras acordadas.


25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page